Tudo o que você precisa saber sobre a gestão de acessos remotosTudo sobre acesso remoto seguro com Unun

A gestão de acessos remotos é um componente essencial para a segurança e a eficiência das empresas no ambiente digital. Mas o que você realmente sabe sobre o assunto?

Como você sabe, os colaboradores atuais não estão mais restritos ao escritório. E, para serem produtivos e eficientes, eles precisam de acesso seguro e simplificado aos sistemas e dados quando trabalham em casa, em uma cafeteria ou mesmo em trânsito.

O gerenciamento de acessos é a solução para garantir o sucesso dos fluxos de trabalho remoto. Com ele, a empresa pode controlar e gerenciar quem acessa os dados e seus sistemas críticos sem impactar na performance de colaboradores e parceiros terceirizados.

Continue conosco e tire todas as suas dúvidas sobre o assunto!

O que é gestão de acessos?

A gestão de acessos é uma estratégia que foca em regular, monitorar e auditar quem pode acessar e utilizar os recursos, dados e servidores corporativos. Assim, concede privilégios ao usuário conforme seu nível hierárquico e estratégico.

Já a gestão de acessos remotos diz respeito ao processo de monitoramento e gerenciamento de sessões remotas — iniciadas fora da rede corporativa. Nesses casos, o controle é ainda mais importante e estratégico.

O que significa controle de acessos?

O controle de acessos é uma prática que visa limitar o acesso a dados e informações sigilosas apenas a usuários autorizados. Assim, reduz os riscos de vazamentos de dados e outras violações de segurança.

O controle pode ser exercido de diferentes formas, desde o uso de senhas ao monitoramento em tempo real da sessão. Lembrando que toda organização com uma boa cultura de segurança da informação tem uma política de acessos bem estruturada.

Vale destacar os principais elementos do controle de acessos:

  • Identificação: inicia-se pelo reconhecimento do usuário, geralmente por meio de um identificador único, como um nome de usuário;
  • Autenticação: processo que verifica a identidade do usuário, comumente utilizando senhas, métodos biométricos ou dispositivos físicos como tokens;
  • Autorização: após a autenticação, o sistema determina a quais recursos o usuário pode ter acesso e quais operações ele pode realizar, baseando-se em políticas pré-definidas de segurança.

O que é auditoria de acessos remotos?

A auditoria de acessos remotos é uma revisão e análise detalhada dos registros de acesso ao sistema da empresa. Com ela, é possível entender as ações de um usuário e analisar, por exemplo, data, horário e os registros de suas ações.

A auditoria é importante para identificar comportamentos suspeitos e verificar se as políticas de acesso estão sendo adequadamente seguidas. Além disso, ajuda a avaliar a eficiência das medidas de segurança e a implementar as melhorias necessárias para fortalecer a proteção dos dados.

Para saber mais: Veja como garantir a segurança dos acessos com Privileged Access Manager (PAM)!

O que é política de controle de acessos?

A política de controle de acessos é um documento que estabelece regras e boas práticas sobre identificação, autenticação e autorização para ver, processar e alterar dados e sistemas.

Em outras palavras, são as diretrizes de gerenciamento de identidade e acesso (IAM). Ela garante que as informações das pessoas e organizações sejam devidamente protegidas com o nível ideal de controle a redes e bancos de dados.

Lembrando que as funções que cada usuário pode executar, bem como seus privilégios e modo de acesso são definidos e monitorados por meio de um sistema de IAM, como o Unun.

Por que fazer a gestão de acessos em seu negócio?

Como profissional de TI, gerenciar e proteger suas sessões remotas é sinal de dor de cabeça? Muitas empresas enfrentam esse desafio, mas a resposta pode estar na gestão de acessos.

Em primeiro lugar, se dedicar a esse processo fortalece a segurança de dados. Isso porque, como vimos, é possível assegurar que apenas usuários autorizados acessem informações críticas.

Outro benefício é a conformidade legal, em especial com a LGPD. A gestão e auditoria de acessos te dá visibilidade sobre como seus funcionários e parceiros utilizam os dados, o que ajuda a corrigir desvios e comprovar sua adequação às leis.

Por fim, precisamos destacar a possibilidade de controle e monitoramento dos acessos em tempo real. Este é um fator fundamental para identificar e mitigar ameaças de segurança rapidamente.

Como a gestão de acessos impulsiona o home office?

Sua empresa aderiu ao modelo home office? Seja como política ou em situações esporádicas, o trabalho remoto é uma tendência de mercado.

Porém, garantir a performance, a produtividade e a segurança dos fluxos de trabalho realizados fora da empresa não é uma tarefa simples. Neste cenário, a gestão de acessos tem pontos positivos que merecem destaque. Confira!

Facilita o acesso aos documentos

A gestão de acessos permite que funcionários em trabalho remoto acessem documentos e recursos essenciais com facilidade. Assim, promove a continuidade das operações empresariais com agilidade de qualquer lugar.

Eleva a segurança das informações

Com uma boa ferramenta de gestão de acessos, sua empresa protege os dados e garante que informações sensíveis só estejam disponíveis para pessoas autorizadas. Ou seja, te dá a capacidade de gerenciar permissões de forma eficiente e prática.

Promove a colaboração e integração de equipe

A gestão de acessos também gera impactos positivos no dia a dia das equipes. Isso porque, facilita o compartilhamento de dados e informações entre o time, estando fora ou dentro do escritório.

Quais os principais fatores de autenticação de acesso?

Os fatores de autenticação de acesso são métodos essenciais para verificar a identidade dos usuários antes de conceder acesso aos sistemas e recursos de uma organização. Assim, seu objetivo é elevar a segurança de ambientes digitais.

Confira os principais!

Algo que o usuário sabe

Este é o fator mais comum e inclui senhas, PINs ou respostas a perguntas de segurança. É uma forma de autenticação baseada em conhecimento que o usuário deve memorizar e fornecer durante o processo de login.

Algo que o usuário tem

Esse fator envolve itens físicos que o usuário deve ter. Assim, pode incluir cartões de identificação, tokens de segurança ou um número de celular para receber códigos de autenticação via SMS ou app de autenticação.

Algo que o usuário é

Conhecido também como autenticação biométrica, esse fator utiliza características físicas únicas do usuário. Ou seja, impressão digital, reconhecimento facial de voz ou íris.

Esses métodos de autenticação podem ser combinados para criar um sistema de autenticação de duplo fator (2FA), que proporciona uma camada adicional de segurança.

Como fazer gestão de acessos? 5 passos básicos e eficazes

Até aqui, trouxemos inúmeras informações úteis sobre a gestão de acessos. Agora, finalmente, podemos apresentar algumas dicas para executar esse processo em seu negócio.

Como especialista no assunto, a Unun lida com desafios complexos do monitoramento, controle e auditoria de acessos de empresas de diferentes portes e segmentos. Por isso, as boas práticas a seguir são universais e podem te ajudar bastante. Acompanhe!

1.      Crie perfis/usuários individuais

É fundamental que cada funcionário tenha suas próprias credenciais. Isso quer dizer que é essencial evitar o compartilhamento de credenciais, pois isso eleva os riscos de violações de dados e dificulta a identificação da origem do problema.

2.      Trabalhe com senhas fortes

Eduque e incentive seu time sobre a importância de criar senhas fortes. Embora a combinação de letras maiúsculas e minúsculas, números e caracteres especiais pareça ser simples, é uma ação poderosa contra-ataques virtuais.

3.      Use mais de um fator de autenticação

Implementar autenticação multifatorial adiciona uma camada extra de segurança ao processo de identificação. Por isso, prefira métodos e sistemas que contem com esse diferencial para ter mais tranquilidade em seu dia a dia.

4.      Revise os privilégios de usuários periodicamente

Para uma gestão de acessos eficiente, é importante verificar e ajustar regularmente os direitos de acesso dos usuários. Se você não tem o hábito de conferir e atualizar as permissões, saiba que está correndo grandes riscos.

5.      Invista em um sistema de gerenciamento de acesso e autenticação

Por fim, aproveite o potencial de uma solução específica para gestão e auditoria de acessos. Em resumo, uma boa ferramenta automatiza e otimiza suas ações, garantindo conformidade e segurança.

Por que investir em um software de gestão de acessos?

O uso de um software de gestão de acessos pode ser o diferencial que sua empresa precisa. Aliás, muitas organizações realizam o controle e monitoramento de sessões remotas de forma amadora, expondo seus dados e sistemas a riscos e prejuízos incalculáveis.

Você sabia que o Brasil lidera o ranking de vazamento de dados na internet? O dado revela o tamanho do desafio e o quanto é preciso adotar medidas robustas e realmente eficientes de segurança da informação.

Sendo assim, podemos dizer que investir em software de gestão de acessos é uma decisão estratégica. O recurso não só automatiza o controle de acesso, como reduz a chance de falhas e garante uma maior eficiência operacional.

Além disso, é extremamente importante mencionar que uma boa ferramenta garante a sua conformidade legal, evitando multas e penalidades.

O que é Unun?

Afinal, o que o Unun? Unun é uma plataforma integrada de gestão e auditoria de acessos remotos. Ou seja, reúne tudo o que você precisa para uma gestão de acessos realmente eficaz.

A ferramenta foi desenvolvida para atender às necessidades de empresas de todos os tamanhos e está sempre se atualizando para se manter útil e estratégica. Com o Unun, seu time pode trabalhar de onde estiver com segurança e produtividade.

É interessante destacar que a ferramenta não só beneficia funcionários da empresa, como otimiza a gestão de terceirizados. Dessa forma, é possível acompanhar em tempo real o que fornecedores e colaboradores fazem dentro de seus bancos de dados.

Quais os diferenciais do Unun?

O Unun é o melhor software de gestão de acessos do mercado, graças a diferenciais competitivos importantes. É por isso que quem testa o Unun não tem dúvidas!

Conheça alguns de suas funcionalidades e benefícios:

  • Interface intuitiva: facilita a configuração e o gerenciamento de acessos, tornando o processo simples e eficiente;
  • Autenticação multifator: adiciona camadas extras de segurança, garantindo que apenas usuários verificados acessem dados e sistemas;
  • Relatórios e auditorias detalhadas: fornece insights profundos sobre atividades de acesso, permitindo uma gestão proativa e a rápida identificação de ameaças;
  • Escalabilidade: capaz de atender às demandas de pequenas a grandes corporações, adaptando-se às suas necessidades específicas;
  • Fácil integração: conecta-se facilmente com outros sistemas e ferramentas existentes, proporcionando uma solução unificada de gestão de acessos;
  • Acesso simplificado: o login por meio de um navegador de internet comum dispensa a instalação de softwares e garante o acesso de qualquer dispositivo.

Otimize sua gestão e auditoria de acessos com o Unun!

A gestão de acessos remotos é essencial para proteger dados e garantir a eficiência operacional das empresas!

Com o Unun, você tem acesso a uma plataforma inovadora que oferece autenticação multifatorial, relatórios detalhados, escalabilidade e integração com outros sistemas. Tudo isso reforça sua segurança, eleva sua produtividade e te ajuda a crescer na era digital.

Quer saber mais? Baixe nosso e-book gratuito e descubra como o Unun pode transformar a gestão de acessos em sua empresa!